Powered by free wordpress themes

Home / Opinião / Ponto de Vista: A.C. de Camargo

Powered by free wordpress themes

Ponto de Vista: A.C. de Camargo

Olhando a lista de pretendentes a vagas nas câmaras municipais você se depara com pelo menos três modalidades de candidatos. Aqueles que têm chances efetivas de obter a votação necessária para se eleger, outra a dos chamados puxadores de votos, que alcançam somas muito além do que precisam e contribuem assim para garantir o quociente eleitoral necessário para si e para “ajudar” os companheiros de partido e aqueles que são apelidados de colonos, que entram na corrida sem qualquer tipo de sucesso. Entram por entrar.

 

E mais

# Alguns dos colonos não se cansam de participar, eleição vai, eleição vem, eles estão sempre presentes, uma espécie de prazer mórbido, talvez acreditando na possibilidade de um dia dar certo.

# Como há também aqueles que, sendo funcionários públicos, se apresentam apenas pro forma, um meio de ganhar um bom período de inatividade, a custo do erário público.

# Os puxadores costumam atingir números elevados de votos e garantem com isso a constituição de bancadas expressivas, levando a tiracolo outros candidatos de seus partidos.

# Com isso e não raro, dono de pequenas votações acabam sendo pinçados para cargos legislativos, em todos os níveis de poder, mesmo com votações muitas vezes bem abaixo de concorrentes de outras siglas.

# Na eleição para a Câmara Federal, em 2014, essa situação foi registrada graças à elevada soma de votos de concorrentes como Tiririca, Celso Russomano e outros.

# No caso de Russomano um dos beneficiados foi o atual deputado federal Fausto Pinato que, com pouco mais de 20 mil votos, garantiu vaga na Câmara Federal.

# Há casos até mais berrantes, de deputados, ou mesmo vereadores que, com votações insignificantes, garantem sua presença nas casas legislativas.

# Na eleição deste ano as coisas podem mudar, como resultado as alterações produzidas na legislação eleitoral recentemente e que podem por um fim nesse tipo de acontecimento.

Política

# O deputado federal Celso Russomano (PRB) está livre e desimpedido para disputar a eleição para prefeito de São Paulo em outubro vindouro.

# Ele foi absolvido pelo Supremo Tribunal anteontem em um processo em tramitação há 11 anos.

# Segundo o relator do processo, ministro Dias Toffoli, “as pessoas que procuravam o escritório político do deputado, eram atendidas pela funcionária Sandra de Jesus, que exercia as funções de secretaria parlamentar, ao contrário da acusação em contrário”.

# A argumentação de Toffoli foi seguida pelos ministros Celso de Mello e Gilmar Mendes.

# Russomano é apontado pelas pesquisas como o candidato mais votado na capital do Estado.

Coisa & Tal

Se a presidente Dilma Rousseff ainda mantinha esperanças de reverter no Senado seu afastamento definitivo do governo, a votação de terça feira, 59 a 21, pela aceitação da pronuncia no processo de impeachment, praticamente jogou tudo por terra. Seu afastamento em definitivo agora é questão de dias e deve ocorrer até o final do mês. É mais um presidente da República vítima do mês de agosto.

Entre aspas

Deputado federal Fausto Pinato (PP) comemorando a absolvição de seu colega Celso Russomano no Supremo:

– Essa vitória no Supremo quem deu foi a Justiça. A da urna, em outubro, quem dará é o povo.

HOJE NA HISTÓRIA

No dia 11 de agosto de 1852 eram introduzidos os cursos jurídicos no país. Em 1984 Paulo Maluf derrotava Mário Andreazza, na convenção do PDS e se torna o candidato da situação a presidência da República, contrariando o desejo dos militares. Em 1986 o Fusca deixava de ser fabricado no país. Dez anos depois o então presidente Itamar Franco conseguia o retorno do veículo, mas o que durou pouco tempo. Comemora-se amanhã: Dia do Advogado, da Consciência Nacional, do Estudante, do Garçom, do Hoteleiro, do Pendura e da Televisão. Aniversaria amanhã a cidade de Pereira Barreto.

 

Além disso, verifique

Desnorteados e largados

-Marli Gonçalves- Não há batatinha amarrada na fronte que resolva. Calmante que acalme. Protetor de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.