Powered by free wordpress themes

Home / Política / Opinião: A. C. Camargo

Powered by free wordpress themes

Opinião: A. C. Camargo

Quem acompanhou na tarde e noite de 2ª feira a reunião da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Federal, durante a leitura do parecer do relator do processo pedindo autorização dos deputados para que o Supremo Tribunal Federal julgue o presidente Michel Temer, certamente teve uma sensação: “esse filme eu já assisti”. E, de fato, os acontecimentos ali registrados remeteram ao que se verificou no pedido de abertura do impeachment da presidente Dilma Rousseff.

 

Reprise

Como aconteceu naquela oportunidade, houve muito bate-boca, acusações de um lado e do outro, desentendimentos de toda ordem. E não se diga que houve surpresa no relatório elaborado pelo deputado peemedebista Sérgio Zveiter. Desde quando seu nome foi confirmado para a elaboração do documento a informação abundantemente transmitida foi a de que seu relatório seria a favor da admissibilidade da denúncia.

A mesma coisa

O Palácio do Planalto vem fazendo exaustivas ginásticas para rejeitar o parecer de Zveiter, usando todas as armas de que dispõe inclusive a liberação de emendas parlamentares e, quem sabe, bem deixa pra lá.

Retomada

As discussões serão retomadas hoje na CCJ e espera-se que, até o final de semana, estejam concluídas para o desenvolvimento da votação. Aprovado ou não o relatório, o seca bagaço vai se dar em plenário, quando Temer precisará contar com pelo menos 172 votos para ganhar a parada e mandar para o arquivo a denúncia.

Livrai-nos

O que se espera e temos que torcer muito por isso é que, quando o processo for julgado no plenário da Câmara, não tenhamos que assistir novamente a aquele espetáculo horroroso de os deputados, ao anunciarem seus votos, dedicarem os mesmos “à pátria, em nome dos meus filhos” e etc. e tal. Que procedimentos lamentáveis. E insuportáveis.

Apertando

Atendendo a uma exigência do Tribunal de Contas do Estado a Câmara de Rio Preto terá que adotar medidas para redução de cargos em comissão, além de tomar providências em relação a gratificações pagas no Legislativo.

So faltava esta

Senadoras oposicionistas tomaram ontem o comando daquela casa do Congresso impedindo a normalidade dos trabalhos. Casa vez mais nossos políticos, ou políticas neste caso, demonstram que perderam dez a compostura. Isso não é caso visível de quebra do decoro parlamentar?

Coisa & Tal

Finalmente o PSDB decidiu se desembarca ou não do governo Temer, em reunião realizada 2ª feira à noite em São Paulo, com a participação do alto tucanato. Ficou decidido que a decisão será tomada em agosto. Haja muro.

Entre aspas

Observação ouvida ontem no Senado quando senadoras oposicionistas tomaram a mesa impedindo que o presidente Eunício Oliveira conduzisse os trabalhos.

Que vergonha!

Hoje na história

NO DIA 12 DE JULHO de 1920 era inaugurado o Canal do Panamá. Em 1980 o jogador Pelé era eleito o atleta do século através de pesquisa feita pelo jornal francês L’Equipe. Em 1990 morria na Itália, onde fazia a cobertura da Copa do Mundo, aos 73 anos, o jornalista João Saldanha, que foi também técnico da Seleção brasileira. Em 1998 o Brasil perdia para a França por 3 a 0 na final da Copa do Mundo disputada naquele país. Comemora-se hoje o Dia do Engenheiro Florestal.

Além disso, verifique

Primeiro “Café da Manhã com o LIDE”

FERNANDÓPOLIS:- Para fomentar negócios e estimular o crescimento econômico da região, o LIDE Rio Preto …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *