Powered by free wordpress themes

Home / Geral / Inverno, muita queima x alta ingestão de calorias

Powered by free wordpress themes

Inverno, muita queima x alta ingestão de calorias

  • Juarez Duarte Paes Jr –

O inverno está aí e a vontade de ficar embaixo das cobertas, comer e dormir aumenta em progressão geométrica e a fome toma conta do nosso ser e se transforma em compulsão.

Apesar de frio e exercícios físicos neste período não se constituir numa combinação das mais convidativas, em contrapartida, são os mais indicados para uma invernada contra o emagrecimento, pois, acontece um aumento no consumo de energia corporal, o metabolismo fica mais acelerado, uma vez que precisa se desdobrar para manter a temperatura do corpo na casa dos 36ºC, queimando tudo para tal, inclusive nossas reservas energéticas (gorduras) para mantê-lo aquecido, ao contrário do que ocorre no verão quando nossas reservas de gordura acabam preservadas devido à lentidão com que o metabolismo trabalha em tempos de temperaturas elevadas.

O fato do organismo gastar mais calorias em ambiente de baixa temperatura leva a um aumento acentuado da fome e faz com que as pessoas consumam mais alimentos gordurosos como forma de compensação para a elevação do gasto calórico.

Quanto mais baixa for à temperatura tudo o que foi colocado acima aumenta na mesma proporção, o que é um perigo para quem gosta muito de comer pesado mesmo em dias mais quentes e tem verdadeiro pavor a prática de exercícios.

Comida pesada realmente transmite uma sensação de aquecimento, e, a grande maioria delas nos faz transpirar, mesmo sob baixas temperaturas, quando o estômago cheio nos dá aquela impressão de conforto e bem estar, enquanto que senti-lo vazio, causa desconforto, um incômodo diferente daquele dos dias mais quentes onde ocorre o contrário, quanto mais cheio, mais desconfortável.

A tendência a se sentir mais atraído pelos pratos calóricos, um pouco mais carregados de gorduras, é absolutamente normal, porque o próprio organismo solicita essa garantia de reservas, enviando ao cérebro os sinais dessa necessidade, o que nos leva a arregalar os olhos diante de uma feijoada, cozido, bobó, vaca atolada, sopa de polenta com costelinhas e linguiça calabresa, barreado, carneiro no buraco, “costelada” e todo e qualquer tipo de caldeirada, seja de frutos do mar, ou de carnes vermelhas frescas, defumadas ou salgadas, com batatas, mandioca e legumes.

Agora, se você não quer chegar a Primavera com aqueles quilinhos indesejáveis, existem alguns alimentos e aditivos que podem ajudá-lo na queima daquelas gordurinhas localizadas onde não deveriam como a cafeína, gengibre, pimentas (claro, se você não fizer parte do grupo de hipertensos e pessoas com doenças do aparelho intestinal), além de fibras que também dão uma acelerada no metabolismo e em consequência aumentam o gasto calórico.

Têm também as sopas e caldos, que além de aquecerem o corpo mantêm o sistema imunológico forte e em absoluta ordem e proporcionam grande saciedade, claro que aliado a isso é importante, ou melhor, preponderante, procurar se esmerar na prática de alguma atividade física.

É uma excelente oportunidade para aproveitar esses dois fatores em prol de uma melhor condição física, elevação da autoestima, melhora da saúde de maneira geral, além de dar um enorme passo para uma reeducação alimentar em caráter definitivo.

Mas, se você é daqueles que “não está nem aí com a paçoca”, se sente bem do jeito que está, não tem problemas de autoestima e que tem saúde para dar e vender, é uma oportunidade única para “enfiar o pé na jaca” e “agasalhar o grude” sem restrições no cardápio que pode ser de alta tonelagem calórica, do tipo “só para os fortes”, vai fundo!

 

 

 

 

LOMBO SUÍNO ASSADO AO CHUTNEY DE ABACAXI:

 

Você vai precisar de: – 1 kg de lombo suíno; – 4 dentes de alho amassados; – sal e p. calabresa qb; – suco de 2 limões; – 2 raminhos de alecrim fresco (decoração); – 4 rodelas de limão com casca (decoração).

Para o chutney: -1 dente de alho amassado; -1 colher de sopa de manteiga; -2 colheres de sopa de abacaxi picado; – 1 cebola pequena picada; – 1 colher de sopa de suco de limão; – 4 colheres de sopa de vinagre de vinho branco; – 2 colheres de sopa de mel; – 50 ml de vinho branco seco; – 1 colher de cafezinho de gengibre ralado; – 1 colher de cafezinho de canela em pó; – 1 colher de sopa de shoyu.

 

Preparo: Tempere o lombo com o alho, sal, p. calabresa e o limão e deixe marinar por pelo menos 6 horas, depois disso amarre o lombo trançando o barbante, enrole em papel alumínio, ponha numa assadeira e leve ao forno pré-aquecido (180°C), por aproximadamente 1 1/2 hora, retire o papel alumínio (com cuidado) e leve de volta para o forno para dourar de 30 a 35 minutos, vá regando com o líquido da assadeira e antes de retirar verifique a maciez e a cor dourada.

Para o chutney aqueça a manteiga em uma panela antiaderente, doure o alho e junte todos os ingredientes, mexa lentamente em fogo médio para apurar (máximo 20 minutos), não pare de mexer até que atinja a textura adequada.

Retire o barbante com cuidado e fatie o lombo sem separar as fatias e leve-o para um prato oval branco ou refratário, espalhe o chutney por toda a sua extensão, decore com os raminhos de alecrim e as rodelas de limão, sirva. Um espumante ou frisante rosé de merlot fechará o conjunto.

 

 

 

 

 

Além disso, verifique

Cães e gatos exigem cuidados especiais durante o inverno

Os Dachshund (Linguicinha ou Cofap) são os que mais sentem frio durante o inverno   …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *