Powered by free wordpress themes

Home / Geral / Os presentes mais desejados no Natal

Powered by free wordpress themes

Os presentes mais desejados no Natal

Em sua oitava edição no Brasil, a Black Friday já é uma data consolidada no calendário varejista do país. A princípio, este evento comercial, que ocorre toda última sexta-feira de novembro, foi recebido com desconfiança pelos lojistas brasileiros, pois estes temiam que sua popularidade viesse a interferir nas compras de Natal. Mas o que ocorreu foi exatamente o contrário: a cada ano, um número crescente de consumidores vêm aproveitando a data para adiantar as compras natalinas, investindo em produtos de alto valor que, em outras ocasiões, não comprariam para presentear alguém.

Um levantamento realizado pela norte-americana Deloitte, intitulado “Pesquisa de Natal 2017”, mostra que 29% dos consumidores mostraram intenção de antecipar suas compras natalinas na Black Friday. Segundo o Ebit, plataforma que monitora as vendas e qualificações de transações online, em 2017, o evento gerou uma receita de R$ 2,1 bilhões ao e-commerce, uma alta de 10,3% em relação a 2016. As promoções, somadas à segunda parcela do 13º caindo na conta do consumidor fizeram com que a Black Friday do ano passado representasse 17% das vendas online.

O CupoNation, plataforma de descontos online pertencente ao grupo alemão Global Savings Group, montou um resumo sobre as transações intermediadas nas principais lojas de e-commerce online no Brasil, como Americanas, Submarino, Carrefour, Extra, Ponto Frio, dentre outras, abordando as categorias mais vendidas na Black Friday, além do valor médio gasto por consumidor e produtos que foram destaques. Em disparada, a categoria “eletrônicos” representa 24% das vendas, seguida por “eletrodomésticos” (20%) e “celulares” (16%).

Dentre os eletrônicos, as smart TVs, grandes estrelas das Black Fridays ao redor do mundo, ficaram em primeiro lugar, seguidas pelos notebooks, e os brasileiros gastaram uma média de R$ 1.000 realizando compras neste grupo de produtos.

Na segunda categoria mais consumida, as fritadeiras tiveram destaque, e o investimento médio em todos os produtos foi de R$ 600.

Já no terceiro grupo de produtos mais comprados, os celulares, o consumidor desembolsou um pouco mais, R$ 1.100 em média, escolhendo entre as diversas marcas disponíveis no mercado e aproveitando as promoções para ter acesso a lançamentos, como o iPhone 8 e o iPhone X, assim como seus acessórios, que ficaram em 3º lugar na lista dos produtos mais vendidos.

Além disso, verifique

Espetáculo teatral arrecada donativos para o Fundo Social de Solidariedade

Litro de leite será trocado por ingresso para a comédia “Quase Cinquenta Tons de Cinza”, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.