Powered by free wordpress themes

Home / Destaque / Santa Casa implanta identificação de visitantes

Powered by free wordpress themes

Santa Casa implanta identificação de visitantes

Medida aumenta a segurança e o controle dos acompanhantes e visitantes do SUS, convênios e particulares

A Santa Casa de Votuporanga acredita que o visitante e o acompanhante são fundamentais para a recuperação adequada do paciente internado. Visando as melhorias no processo de recepção do Hospital, a Instituição implantou a identificação por etiquetas adesivas para acompanhantes e visitantes.

A medida abrange Sistema Único de Saúde (SUS), convênios e particulares e facilita a rastreabilidade das pessoas em todas as áreas do complexo hospitalar, garantindo a segurança de pacientes e colaboradores. Antes deste processo, a Instituição utilizava crachás fornecidos na recepção. “Muitas pessoas não colocavam crachá em lugar visível, prejudicando sua identificação. Além disso, havia evasão dos itens. Com a nova ação, conseguimos saber melhor quem são os visitantes e quem são os indivíduos que podem estar eventualmente perdidos e/ou tentando acessar indevidamente o interior do Hospital colocando em risco a segurança dos pacientes. As etiquetas são descartáveis e, com isso, aumentamos a higiene no processo, praticidade e eficiência”, afirmou Adriano Marques, gerente da recepção.

As etiquetas contemplam informações do visitante/acompanhante, do paciente, em que ala está internado, número do quarto, além de código de barras. “Quando uma pessoa chega na Santa Casa, ela é cadastrada no sistema. A recepcionista que realiza este trabalho tanto na área do SUS quanto do convênio. A etiqueta tem que estar em local visível. O código de barra é utilizado para dar rapidamente saída do visitante ou acompanhante”, explicou.

Adriano ressaltou que o controle de visitas é muito importante para garantir o bem-estar dos pacientes, em geral, justamente para preservar a saúde do internado, diminuindo o risco de infecção, evitando barulhos e desgastes. Ele afirmou que as visitas na Instituição ocorrem das 12h30 às 20h30 (SUS) e convênio e particular das 7h às 22h.

O provedor da Instituição, Luiz Fernando Góes Liévana, enfatizou a iniciativa. “Trabalhamos diariamente para humanizar ainda mais nossos atendimentos. O papel dos visitantes e acompanhantes faz toda a diferença, fortalecendo a confiança e fazendo com que o paciente se sinta menos isolado. Atuamos para melhorar nossos sistemas, sempre pensando no acolhimento e no amor ao nosso assistido”, finalizou.

Além disso, verifique

Vereador é morto por enteado após discutir com a esposa em União Paulista

De acordo com a polícia, adolescente de 17 anos usou facão para separar briga entre …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.