Powered by free wordpress themes

Home / Destaque / Justiça Federal manda Rio Paraná assumir  Zoo de Ilha Solteira

Powered by free wordpress themes

Justiça Federal manda Rio Paraná assumir  Zoo de Ilha Solteira

A Justiça Federal de Andradina-SP determinou que a concessionária responsável pela administração da Usina Hidrelétrica no trecho do Rio Paraná em Ilha Solteira-SP, assuma dentro do prazo de 90 dias o Centro de Conservação de Fauna Silvestre (CCFS) do município.

Decisão da 1º Vara Federal atende ao pedido de liminar do MPF (Ministério Público Federal) que, obriga em ação civil pública a empresa a retomar as atividades no zoológico, incluindo a conservação da fauna silvestre, a triagem de animais resgatados vítima de maus tratos, a pesquisa científica no manejo das espécies e o programa de educação ambiental.

Caso a ordem seja descumprida a multa é de R$ 100 mil/dia.

O funcionamento do local é uma das imposições das licenças de operação das usinas hidrelétricas Jupiá e Ilha Solteira, que fica na divisa dos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

“O direito ao meio ambiente protegido é direito difuso, pertencente a todos como direito humano fundamental, estando consagrado nos Princípios da Declaração de Estocolmo 1972 e reafirmado na Declaração Rio 1992”, escreveu o juiz substituto, Arthur Almeida de Azevedo Ribeiro.

SEM LEI

Entre 2014 e 2015, quando Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), iniciou procedimento para regularizar a situação de diversos outros empreendimentos, naquela época a Rio Paraná Energia – CTG, que ganhou a concessão federal não seguia as regras há pelo menos dois anos.

Quando venceu o leilão da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), a concessionária passou a ter responsabilidade exclusiva pela execução da lei ambiental vigente, além de outras normas estipuladas no documento que regula a operação de usinas.

Controlada pela filial brasileira da gigante chinesa China Three Gorges Corporation, a maior produtora de energia hidrelétrica do mundo, a Rio Paraná vai explorar a geração de energia por 30 anos.

Além disso, verifique

FEV realiza reunião com autoridades de Votuporanga

Encontro marcou a intenção da instituição em fortalecer a ampliar as parcerias com os poderes …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.